quinta-feira, 25 de agosto de 2011

Berzoini defende mais fiscalização do sistema financeiro

 
berzoini_peqO deputado Ricardo Berzoini (PT-SP) defendeu maior eficácia das instituições na fiscalização do sistema financeiro e a regulamentação do art. 192 da Constituição Federal, que estabelece regra e promove desenvolvimento equilibrado em benefício da maioria do povo brasileiro. A manifestação foi feita no seminário "Sistema Financeiro Cidadão", realizado pelas Comissões de Finanças e Tributação e de Defesa do Consumidor nesta quarta-feira (24).

"O Brasil precisa de uma instituição mais aparelhada, mais especializada para fazer uma fiscalização financeira mais eficaz. O Banco Central precisa mudar a sua concepção para que de fato a instituição seja usada em benefício do consumidor bancário. Infelizmente o que se vê é um processo claro de precarização de atendimento para os clientes mais pobres", disse o parlamentar.

Berzoini, que é autor do projeto de decreto legislativo (PDC 214/11) que suspende a resolução 3.954/11, do Conselho Monetário Nacional (CMN) criticou a ausência de regulação que coíbe os abusos e proteja os usuários do sistema financeiro.

"Não existe regulamentação para esse setor. O que existe é a resolução do Conselho Monetário Nacional que beneficia os bancos. Precisamos tomar a iniciativa e exercer o papel soberano que o povo delegou ao Congresso Nacional, ou seja, regulamentar o art. 192", defendeu.

O petista disse ainda que o Brasil precisa de bancos sólidos, mas, segundo ele, esses bancos continuam com prática de "enriquecimento sem causa". A tendência desse sistema, explicou Berzoini, é acentuar ainda mais a desigualdade.
Benildes Rodrigues

ptnacamara.org.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário