segunda-feira, 23 de julho de 2012

Relatório da OIT aponta redução no índice de pobreza no Brasil

        

O deputado José Guimarães (PT-CE), vice-líder do governo na Câmara, disse nesta quinta-feira (19) que os dados divulgados pela Organização Internacional do Trabalho (OIT), sobre as condições dos trabalhadores brasileiros, são uma tradução dos slogans dos governos do presidente Lula (Brasil – Um País de Todos) e da presidenta Dilma (Brasil – País Rico é País Sem Pobreza).

Segundo o levantamento da OIT, 27 milhões de brasileiros melhoraram de condição de vida, e a pobreza no País caiu em 36% entre 2003 e 2009. “Os resultados representam a opção política dos governos Lula e Dilma, sintetizados em seus slogans, ou seja, na vontade política de erradicar a pobreza no Brasil”, ressalta Guimarães.

De acordo com o vice-líder, o êxito dos governos petistas se justifica na escolha de colocar a “questão da pobreza como o ponto central”. Para Guimarães, os programas de transferências de renda, a valorização do salário mínimo, a liberação de crédito para pequeno e médio produtor e a ampliação de crédito para a agricultura familiar são ações refletidas nos resultados da pesquisa.

Além dos pontos elencados pelo vice-líder do governo, o relatório da OIT aponta como fatores que contribuíram para a diminuição da pobreza o incremento da ocupação, com a formalização do emprego e o programa Bolsa Família. De acordo com os dados, no período de 2004 e 2011, o programa beneficiou cerca de 13,3 milhões de pessoas.
Benildes Rodrigues

Nenhum comentário:

Postar um comentário